11 dezembro 2008

 

Abapuru (Tarsila do amaral)


SOB O SOL


Garanhuns não é uma cidade quente. É fria, e todo mundo sabe. Mas nos últimos dias, esta cidade está quase efervescente. O verão parece que resolveu disputar com o inverno para ver qual clima condiz mais com a cidade. Penso que toda disputa é um exercício de vaidade. Perto das 14horas, quando volto do trabalho para casa, o jeito que tem é eu vir me escondendo do sol pelos muros, aproveitando a sombra que as paredes fazem para me esquivar dos raios solares. Volto com o corpo quase derretendo de calor, porém com a alma fria. O mais ridículo disso tudo é que quando não tem sombra e nem tem muro vou colocando qualquer coisa, que eu estiver em mãos, na cabeça para amenizar a incidência solar em minha moleira. Não chamo nomes feios com o sol. Ele faz a parte dele. Eu apenas sou uma vítima sua. O sol é inatingível. Não posso criar caso com ele. Primeiro porque me chamariam de louco; depois, porque sequer posso alcançá-lo. A culpa é mais minha. Não tenho um guarda-chuva para transformar num “guarda-sol”, não tenho nenhum transporte para fugir com mais velocidade do sol. Vou atravessando as avenida e ruas de Garanhuns como um transeunte qualquer, que passa sem a percepção dos outros. Aprendo que a vida é passar, como se fosse uma nuvem que se some discretamente, como se fosse um sol, que queima a pele do homem e se põe, sem nada reclamar.


Comments:
aki na minha cidade normalmente é mto quente, mas tem chovido vastante... essa semana fez um calor danado, mas o find promete mta chuva e acaba com meus planos de piscina rs.. obrigada pela visita .. bjs
 
Oi Wagner,

obrigada por sua visita
Me alegro em ver um chico tao jovem e com tanta cuca...
Tinha uma amiga que viveu mt tempo ai em Garanuns
Pois aqui suportamos desde mes passado um frio que doi, sinal que o inverno vem com toda força.
Sempre que tenha um tempinho passarei por aqui.
um abraço
Deus te guarde
 
Minha cidade é Teresina e aqui nao há disputa, não há brisa, não há praia, tirando Cuiabá, nós somos os mais quantes. E isso é sufocante, sem vento, vc nao queira imaginar!
Vc respira a quintura!
Acho sua cidade um charme! Espero que o sol seja mais benevolente que com a minha cidade quente!
=]
Bj
 
Oi Wagner,
Conheço Garanhuns, já faz algum tempo que não volto ai,mas a lembrança mais forte é aquela bruma , o friozinho na madrugada pois na epoca fiquei num hotel dos padres bem no alto da cidade.
O clima anda meio louco em toda parte mesmo.


Abraços,
Marilac
 
Wagner,
Adorei sua visitinha e seu comentário.Volte outras vezes, ok??? Me senti muito honrada e feliz.Um abraço.
Sonia
 
Seu Blog é muito bonito e instrutivo. Eu gostaria de conhecer o Nordeste, meu avô era de Ingá na Paraíba.Conhece???? Abraços
 
tudo sempre muito bom por aqui, também, querido :o)

beijos e boa semana,

MM.
 
Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?