19 março 2007

 

- COISAS QUE A GENTE NÃO PÕE O DEDO -



NOTURNA

A noite é uma mulher
triste que anda
pelo céu sempre
vestida de negro.

Comments:
Mulher encantadora, essa.

E, olhando por esse lado, talvez seja até bom virar logo um cadáver.
 
A noite para mim é somente o dia, criança amarela, se fantasiando de azul...

beijos, querido e boa semana

MM
 
A noite para mim é somente o dia, criança amarela, se fantasiando de azul...

beijos, querido e boa semana

MM
 
Ah, mas às vezes é preciso anoitecer para que o dia volte banhado de sol :)
 
A noite não te encanta? Ou será apenas o vestido preto?
Hum, esconder por detrás do negro a beleza para transpor a tristeza,
talvez ela pede socorro!
A noite tem seus encantos e seus mistérios...
Um abraço e um sorriso!
 
hoje tô me sentindo quase que uma noite...

e o dia mal começou...
gostei daqui tb...


bjos de quem agora conheceu mais uma parte que não tinha

;**
 
E se fosse durante o dia ?

Um homem taciturno, que nunca se encontra com a noite, mulher triste?

Bah, eu detesto clichês.
 
olá!
lindo poema!
além de triste é calma e serena...como uma mulher!
bjos
 
lindo! sempre lindo!
mulher é mulher
umas gostam de mulheres
outras gostam de homens que perguntam se foi bom
mulheres...
 
Esses seus ensaios sobre coisas que não podemos tocar são sempre excelentes.

Sempre espero a noite chegar com uma dose de nostalgia.

Beijocas...
 
a noite é uma mulher
triste
que espera, pelo sol,
todas as noites,
em vão.
 
Poema profundo...
Tem muito mais que a noite e mulher... Tem sentimento...
Mas a mulher é plena de sentimento, e com a chegada da noite ela se torna ainda mais mulher...
Adorei o teu blog.
 
Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?