27 dezembro 2006

 

WITNER EM PLENO TINO SOBRE SEU INFORTÚNIO (DURANTE OS MOVIMENTOS DA MELODIA DE RICHARD WAGNER)



Restou um pouco de tudo: o que era ou é amargo, a frustração desmedida, a doce nota fúnebre, a perda dolorosa do que era palpável. Se fosse ao menos a última gota do mel, talvez o gosto transbordasse ao próprio instinto. A custo do suave veneno se fez o pranto. Um pranto velado por um fim de tarde que em seus braços acolhia a mais frouxa luz morrente. Do que restou não se aproveitara nada. Nem mesmo a semente ainda viva na fruta carunchosa.

Nada. Conquanto as sobras dissessem algo. Essas coisas duram pouco quando imersas em almas pequenas. Era isso que se deveria ter percebido. Os resíduos às vezes dizem mais do que o todo. Pois cada parte de algo revela sempre um substrato, e não por ausência de razão, mais sim porque a integridade das coisas é escorregadia, como a pele e o pêlo. Não fosse a traição insolente do que esbarra na aparência, quiçá estivesse caída a pétala da amargura, respirando a primavera; ou o verme do remorso descansando no canto mais estreito do cérebro.

(resposta em face à dor)

- O que tens é só teu, e nada te será esquecido ou desprezado. O esquecimento te aflige, o desprezo te enobrece. Terás forças sobre teu próprio vazio. O que possuis é muito maior. E és maior. Ser maior implica vontade-além. Portanto, não olhes pra trás; o que ficou desapareceu, inexiste. O que te encerra bem mais na frente te fará gozar. A paciência será a chave de tua riqueza. Aprende, pois, que quem espera em mansidão alcançará não a podridão do que resta, mas tão somente a fortuna do que falta.

Comments:
hei porra, coloquei mais links. estou fazendo um romance em prosa é excelente viu... mas, é isso que eu digo, porão, porão e porão. e tu porra que fazes, já que deixasse a poesia? que onda essa porra? Horttta disse que tu não tivesse fôlego para escrever poesia e vais morrer asfixiado na prosa, sendo assim: nem mel, nem cabaça.
 
tá parecendo Lao tse.tais copiando agora é porra.
 
bjs guinho rsrsrsr
 
v lá o bl0g de Paulo gervais
 
Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?